Glibenclamida Emagrece

Glibenclamida Emagrece

Descubra neste artigo se glibenclamida emagrece…

Alguns medicamentos que são indicados para outros tipos de enfermidades são consumidos pela população como remédio para emagrecer, causando riscos freqüentes na saúde de muitos.

E o caso dos antidrepessivo remédios de tarja preta, ansioliticos, remédios que tratam outras doenças e não são indicados para o tratamento da obesidade, claro que quando os sintomas de uma doença interferem no peso e necessário a intervenção de medicamentos para conseguir uma redução no peso salvo se consultado pelo medico. Glibenclamida emagrece ou não. Essa pergunta responderemos ao longo deste artigo.

A glibenclamida e um antidiabético oral usado para tratar a diabetes mellitus tipo 2, recente estudos condenaram o uso deste fármaco por considerarem que elevam o risco de doenças cardiovasculares para quem usa este tipo de medicamento.

A Glibenclamida age diminuindo a glicose no sangue de pessoas que são resistentes a insulina ou que produzem pouca ou nenhuma age também estimulando o pâncreas a produzir mais insulina no organismo da pessoa.

De acordo com o doutor Eduardo Quadros Araújo estes medicamento causam um grande efeito no organismo das pessoas.  Retirado do seu Blog oficial .

Além do risco cardiovascular, a glibenclamida também está associada à hipoglicemia. No UKPDS (um dos mais importantes estudos já realizados em diabetes tipo 2), sua taxa de hipoglicemia foi o dobro da clorpropamida. Curioso que a clorpropamida foi retirada do mercado, dentre outros motivos, pelo risco de hipoglicemias.

A glibenclamida é fornecida pelo SUS e, para muitos, é a única opção para o tratamento do diabetes. Embora seja radicalmente contra qualquer proibição de uso ou comercialização de substâncias, torço para que a difusão desta informação permita um melhor tratamento para os milhões de diabéticos deste país.

Bem um medicamento como este não é indicado para o tratamento da obesidade, como vocês viram. Em alguns casos podem até reduzir o peso corpóreo por reduzir o índice glicêmico, mais avaliado por um endocrinologista claro.

A glibenclamida produz alguns efeitos colaterais os mais comuns são:

Gastrintestinal

Náuseas,

Vômitos,

Desconforto abdominal após uso crônico

Diarréia,

Gases

Disfunção da tireóide ,

Cólicas,

Falta de apetite

Acidose láctica

Como todo medicamento deve ser orientado por um profissional capacitado que possa avaliara cada caso, não tome nenhum medicamento sem consulta medica. A metformina é administrada por via oral, na forma de comprimidos. Existem formas de liberação imediata (mais comuns) e prolongada, nas dosagens de 500, 850 e 1000 miligramas. A dose máxima recomendada é de 2550 miligramas.

Não deixe de comentar o que achou deste artigo, estamos trabalhando diariamente em pesquisas para poder melhor informar nossos queridos leitores com o que há de melhor sobre emagrecimento, saúde , beleza e bem estar .

Até breve, Lili.

Melhores Artigos

 

Share this:
Share this page via Email Share this page via Stumble Upon Share this page via Digg this Share this page via Facebook Share this page via Twitter

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>